O Grupo ESALQ-LOG, ligado ao Departamento de Economia, Administração e Sociologia da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (ESALQ/USP), elaborou um questionário que visa identificar os impactos e riscos da PNPM-TRC (Política Nacional de Pisos Mínimos do Transporte Rodoviário de Cargas).

O questionário busca captar informações a respeito das mudanças no mercado de transportes após a implantação da política de pisos mínimos (PNPM-TRC), como aumento ou redução de fretes, e também possíveis alterações nas estratégias das empresas e/ou agentes do setor, como aquisição de frota própria, utilização de outras modalidades de transporte, etc.

Para responder e colaborar com o trabalho clique no link: https://forms.gle/9oBSBEBFVBVkUMCEA

O material, que tem como público-alvo todos os agentes envolvidos no transporte rodoviário de cargas, tem objetivo definir os impactos observados pelos profissionais do setor, sejam eles positivos ou negativos.

Como próxima fase do contrato entre a ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) e o Grupo ESALQ-LOG, assinado em dezembro de 2018, os resultados obtidos pelo questionário, vêm para somar aos dados coletados nas reuniões ocorridas durante todo o ano de 2019, realizadas em diversas cidades do Brasil e também de forma online, e serão utilizados para aprimorar a PNPM-TRC, buscando minimizar os riscos potencialmente negativos para o setor de transporte rodoviário de cargas.

O Grupo ESALQ-LOG solicita aos interessados acessarem o link do questionário (disponibilizado no Google Forms) para responderem as perguntas e colaborarem com o trabalho: https://forms.gle/9oBSBEBFVBVkUMCEA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *