Chão bendito de berços gloriosos

Tua origem uma linda limeira,

Fundada por labores ditosos

És cidade tão bela e faceira

Frutas doces, colhemos aos montes

Pomares verdejantes com flores

Laranjais circundam as fontes

Acariciando a vida de amores.

Tuas indústrias crescem e agigantam

As grandezas de nosso porvir

Jardins – Praças todos se encantam

Com músicas sonoras a ouvir.

Povo amigo de ação relevante

Nossas escolas padrões elevados

Nossa fé seguirá triunfante

Sendo os mestres heróis abençoados.

Limeira! Limeira!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *